Webmail do IQ

  1. TEA e Covid-19

    As pessoas com TEA (Transtorno do Espectro Autista) oferecem um campo de estudo constante, pois eles são indivíduos que apresentam funcionalidades diversas e cada indivíduo apresenta um universo a parte.

    Porém, algumas das suas características principais e que são as que identificamos essas pessoas como classificadas TEA os colocam em um grupo de pessoas que podem não indicar diretamente um risco alto de contaminação do coronavírus. Porém sua rotina é imensamente afetada pela questão do isolamento social, a partir do momento que suas rotinas são afetadas acarretando na maior probabilidade de irritabilidade dentre as reações que esse tipo de indivíduo poderá apresentar.

    Os TEA são muito fechados e têm a tendência a se isolarem em ambientes de maior número de pessoas, disso todos sabem. Em casa, por conseguinte, muitos deles se desenvolvem com quem conquista suas confianças, quando estimulados, cuidados, acompanhados por equipes interdisciplinares e muitos terapeutas.

    Muito por essa rotina médica, terapêutica e de suas atividades, o TEA quebra a sua agenda, seus afazeres nesse momento crítico de suas vidas, portanto essa pessoa precisa que quem estiver com ele no seu confinamento estabeleça uma outra rotina, usando o convencimento através de muito diálogo para o entendimento dessa situação diversa.

    Explique para essa pessoa com cuidado, tato e paciência. Espere o tempo e controle suas reações buscando dar alternativas de atividades prazerosas e que gastem sua energia para que sejam acalmados até que sua nova rotina seja por ele aceita.

    Estabeleça horários, exercícios físicos, dança, música e busque algo que seja do agrado dessa pessoa. Respeite os momentos de recusa dessa novidade toda. Deixe-o em alguns momentos no seu espaço e tempo, aguarde observando suas reações para não evoluir para quadros depressivos, mas o respeite também.

    Quando aceito, utilize o tema que o TEA gosta de conversar, pesquisar e trabalhar, pois pode ser um bom canal. Quando possível use das leituras, vídeos, brincadeiras sempre. O lúdico é um bom caminho, a arte uma linguagem bastante eficaz de ponte de comunicação.

    Com essas práticas, alguns pais que conheço estão conseguindo manter seus filhos com TEA em equilíbrio e mais felizes em casa.

    Quanto ao contágio, somente explique a ele para se manter distante sempre que ele se aproximar, não deixando de dar carinho da forma que for possível para que ele não se sinta carente e depressivo.

    Higiene e boa alimentação são recomendadas para prevenção, tanto quanto qualquer outra pessoa. Nesse ponto eles não sofrem tantos riscos, mas precisam ser muito vigiados para não infringir algumas etapas de procedimentos básicos no seu banho ou desinfecção das mãos e objetos que possam ter vindo de ambientes externos ou manuseados por terceiros foram da convivência familiar.

    Juntos pais e filhos vencerão essa dificuldade.

    Indicando um vídeo de uma live realizada sobre essa discussão por médicos e psicólogos com respeito aos cuidados e quando a pessoa com autismo contraí a Covid-19, confira:

    Texto de Professora Cristiana de Barcellos Passinato, TAE e responsável pelo Setor de Acessibilidade do IQ-UFRJ.

    notícia completa...

  2. Cartilha visual e simplificada: “Como atender pessoas com deficiência” do Setor de Acessibilidade IQ-UFRJ

    Muitas vezes não se sabe como agir mediante a situação de atender a uma pessoa com deficiência. Muitas vezes por faltar orientação, formação ou mesmo por nunca se ter deparado com esse tipo de atendimento.

    Pois foi assim que nasceu o material apresentado, dessa necessidade.

    O conteúdo da cartilha foi elaborado afim de atender às necessidades dos diversos setores do Instituto de Química e para a comunidade externa que desejar usar como guia orientador de atendimento a esse público em questão.

    A cartilha está em um formato visual e de linguagem simples, seu conteúdo será produzido de forma mais textual e elaborado para orientações mais aprofundadas e embasadas bem como uma maior acessibilidade ao público cego e com baixa visão.

    Segue o link para o arquivo em formato pdf para que todos possam usufruir: Como atender pessoas com deficiência

    notícia completa...

  3. Sobre pessoas com deficiência e Covid-19

    Sobre pessoas com deficiência e Covid-19
    Muito pouco se encontra em literatura ou se fala sobre os cuidados com a pessoa com deficiência no cenário pandêmico atual, mas eles são potencialmente um grupo de risco.

    Algumas pessoas com deficiência não possuem nenhum risco, porém outras que são acometidas por comorbidades e até funcionalidades que requerem cuidados e suas mobilidades são reduzidas, sim, são possivelmente um grupo que precisam de um olhar muito cuidadoso.

    Outro aspecto recorrente é o que se destina às pessoas que precisam de alguém, de um cuidador ou responsáveis para tratar de suas questões, sua higiene. Essas pessoas além de se exporem, também devem proteger-se para não virem a contaminar a pessoa com deficiência que é cuidada.

    Os cuidados são praticamente os mesmos que se referem a qualquer pessoa, somente redobra-se a atenção quanto aos EPI e quanto ao uso dos desinfectantes. Outra preocupação é como e onde são utilizados tais produtos para não causar nenhum problema maior nem ao PcD e nem ao cuidador em questão.

    Há uma preocupação maior com as pessoas com deficiência que mostram em seus quadros algumas questões mais complexas de ordem respiratória e também quanto aos que precisam de respiradores, ou mesmo os que usam sondas quanto à higiene e manipulação dos equipamentos para seus usos. É preciso atentar para esse tipo de situação quanto a tudo que foi citado acima.

    Os cadeirantes precisam ser auxiliados para assepsia da cadeira e dos apoios onde o PcD apoia as mãos. São potenciais meios de contágio, pois os suportes da cadeira podem ser atingidos por material com vírus e a probabilidade de contaminação aumenta. Outra observação importante é no caso de indivíduos possivelmente contaminados ao chegarem perto, é preciso alertar quanto à distância de pelo menos 2 metros. É importante evitar que toquem e espirrem/tussam perto do apoio do PcD. Esse tipo de questão é importante e a sua transgressão é gravíssima, pois o cadeirante pouco pode fazer para desviar do possível contaminante.

    O uso de máscaras quando necessária a saída de domicílio, uso de luvas ao manipular qualquer pessoa ou instrumento, aparelho, a distância deles é imprescindível.

    Para maiores detalhes, segue, como indicação de fonte de informações da entrevista da professora e jornalista Lucília Machado (UFF) com a professora, médica e cadeirante – “Nada sobre nós, sem nós” – Dra Izabel Maior (UFRJ):

    Texto da professora Cristiana de Barcellos Passinato (TAE – responsável pelo Setor de Acessibilidade IQ-UFRJ)

    notícia completa...

  4. [ENCERRADO] Seleção Mestrado e Doutorado Bioquímica 2020-1

    Seleção aos Cursos de Mestrado e Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Bioquímica 2020-1

    A UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO (UFRJ), por intermédio da Direção do Instituto de Química, e da Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Bioquímica, no uso de suas atribuições e nos termos da REGULAMENTAÇÃO GERAL DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DO INSTITUTO DE QUÍMICA, art. 17º, torna público o presente edital, contendo as normas, rotinas e procedimentos necessários à realização do Acesso aos Cursos de Mestrado e Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Bioquímica para o primeiro semestre de 2020.
    1. Do Número de Vagas
    Serão ofertadas 10 (dez) vagas para o Mestrado e 5 (cinco) vagas para o Doutorado, a serem preenchidas de acordo com a ordem de classificação dos candidatos.
    2. Da Inscrição e do Processo Seletivo
    2.1. As inscrições no processo seletivo estarão abertas no período de 13 a 17 de abril de 2020 e serão realizadas eletronicamente através do correio ppgbq@iq.ufrj.br.

    MAIS INFORMAÇÕES NOS EDITAIS:

    Edital MESTRADO PPGBq 2020-1 extra       /          Edital DOUTORADO PPGBq 2020-1 extra

    notícia completa...

Search
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in comments
Search in excerpt
Filter by Custom Post Type

Biblioteca dos Informativos do Instituto de Química da UFRJ


Arquivo de notícias



Conheça